segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Os treinos prosseguem, a violência também

Depois de um tempo sem postar, pretendo retomar os posts semanais, ontem debaixo de muita chuva fiz mais um longão, dessa vez de 32km em 3h02min., fiquei satisfeito com o resultado em que pese a condição em que foi feito.
Além da chuva, com muitos pontos com água parada nas ruas, buracos cheio d´agua também, tive uma semana bem complexa e fiz somente um treino no feriado de 12/10.
Infelizmente desde a criação do homem as diferenças entre nós, no que diz respeito a comportamento, somente se acentuaram, vejo o comercial da coca cola que diz que há motivos para acreditar porque os bons são maioria e acredito fortemente nisso, senão, penso eu, já nos teríamos extinguido.
Tudo que busquei, ao longo desses 24 anos desde o nascimento de meu primeiro filho, hoje são três, foi ensinar a eles valores como honestidade, respeito e amor ao próximo e a Deus, a dignidade da pessoa, para mim, está acima de tudo e tento transmitir isso a meus filhos.
Difícil, mas necessário, sustentar isso quando somos vítimas diretas da violência, que sempre existiu e sempre vai existir.
Meu filho mais velho foi vítima de sequestro relâmpago e por duas horas teve sua vida ameaçada, é apenas mais um, outros vieram e virão com consequências muito mais graves do que aquela que sofremos e que reconheço foram mínimas diante da situação.
Rogo a Deus todos os dias ao levantar e deitar para que a humanidade, um dia, se torne verdadeiramente irmã e que uns não precisem, para sobreviver ou por simples prazer, subtrair o que foi conquistado por outros, especialmente a vida, único bem de verdadeiro valor que possuímos.
Faltam 4 semanas para a Maratona de Curitiba, sim, estou tendo problemas para treinar, mas irei nem que seja para mais caminhar que correr, irei e cumprirei, ainda mais agora, que tenho mais uma vez a necessidade de honrar a Deus pelo que tem feito por mim, é a Ele que dedico, sempre, cada 42k que cumpro.

6 comentários:

Xampa disse...

Nossa, que triste no noticia.
Ainda bem que nada mais grave aconteeu.
Sucesso em Ctba.

Sergio disse...

Walter,
Me solidarizo contigo pelo trauma familiar pelo qual passou. Espero que seu filho tenha condições de superá-lo, ainda que esquecer não seja possível.
Que bom que temos na corrida uma válvula de escape para as frustrações do dia a dia. Infelizmente não estarei em Curitiba, mas desejo o melhor a você.
Grande abraço do amigo Baleias,
Sergio
corredorfeliz.blogspot.com

elis disse...

walter, que notícia triste!
meu Deus! que susto vocês todos devem ter passado! muita força e muita fé pra superar essa experiência traumática!

parabéns pelo longão! que garra e disciplina você tem, porque aquela chuvarada do fim de semana não foi fácil! eu mesma me deixei vencer pela chuva e não tirei o pé de casa rssssss

bons treinos, walter!

bjs

BALEIAS disse...

Meu caro amigo. Entendo sua dor e o susto que passaram, você e sua família. Fique firme, do jeito que for possível, e conte conosco e nossa companhia em todos os momentos, perto ou longe, pois estamos sempre com você. Abraço. Miguel Delgado.

Samyra Torquilho - samyra@zarabatanadigital.com.br disse...

Olá, Walter. Através de qual email posso entrar em contato com vc? Att.

silvio disse...

Amigo Walter,
glória a Deus pela vida preservada de um dos seus maiores tesouros: seu filho.
Estarei em Curitiba para vê-lo detonar os 42km. Os 195m deixe comigo.
Vida nova a todos os seus.
Cordial abraço.
Silvio
Londrina